top of page

29/04/2024

As sete medidas do governo para controlar as concessionárias de energia

O governo federal prepara um decreto com sete medidas que pretendem apertar a fiscalização sobre as concessionárias de energia elétrica. A expectativa é que as novas regras sejam publicadas nesta semana.
Uma das medidas vai reduzir a tolerância sobre a duração dos apagões para tentar agilizar o tempo de resposta das empresas, outra versa sobre a frequência da ocorrência de quedas de luz, que também serão monitoradas com mais afinco.
Outra frente que será atacada é o atendimento, com três medidas: a garantia de eficácia de um canal de atendimento ao cliente, outro contato, direto e exclusivo, para atendimento institucional, com prefeituras e órgãos públicos, e o financiamento de um conselho de consumidores.
O conselho teria a participação de representantes de vários setores, inclusive indústrias e outros segmentos que representam os grandes consumidores de energia elétrica, com participação do Ministério da Justiça e pode ter dotação orçamentária própria de 50 milhões de reais…

Fonte: Veja.Abril

Leia mais em:

https://veja.abril.com.br/coluna/radar/as-sete-medidas-do-governo-para-controlar-as-concessionarias-de-energia/

G7 discute prazo final de 2035 para uso de usinas de energia movidas a carvão

Os ministros de Energia dos países do G7, que se reúnem na Itália nesta semana, estão discutindo a definição de um prazo comum de 2035 para o fechamento de suas usinas de energia movidas a carvão, disse uma fonte próxima ao assunto à Reuters nesta segunda-feira (29).
Um acordo sobre o carvão marcaria um passo significativo na direção indicada pela COP28 em Dubai, no ano passado, para a transição dos combustíveis fósseis, dos quais o carvão é o mais poluente.
Os negociadores diplomáticos dos membros do G7 – Itália, Estados Unidos, Reino Unido, França, Alemanha, Canadá e Japão – discutiam a questão até o final do domingo, com um país ainda se opondo à medida, disse a fonte, que pediu para não ser identificada.
A reunião dos ministros de Energia, organizada pela Itália, que detém a presidência rotativa do G7 neste ano, será realizada nesta segunda-feira e na terça-feira (30) no palácio Venaria, uma antiga residência real nos arredores de Turim.
Manifestantes se reuniram em Turim no domingo, incendiando fotos dos líderes do G7 que, segundo eles, não estão fazendo o suficiente para combater as mudanças climáticas e entoando slogans como “Eles 7, nós 99%”...

Fonte: Infomoney

Leia mais em:

https://www.infomoney.com.br/mundo/g7-discute-prazo-final-de-2035-para-uso-de-usinas-de-energia-movidas-a-carvao/

Setor elétrico dá passo a mais para captação de recursos e terá bolsa para chamar de sua

O mercado livre de energia no Brasil está em crescimento. Até o fim de 2023, 37% dos consumidores já podiam escolher de onde vêm a sua energia. A expectativa é de que esse número chegue perto do dobro ao final deste ano.
Ao mesmo tempo, as empresas de energia brasileiras vivem um momento de valorização na B3, a principal do país. Dri Barbosa é a CEO da N5X, a nova bolsa de energia do Brasil, que começa suas operações em 2024. Segundo ela, por meio desse contexto que a bolsa se torna necessária ao mercado.
A bolsa é parte da junção de um fundo de investimentos apoiado pela B3 em parceria com o Grupo EEX, que já tem uma bolsa semelhante na Europa. Na B3 existe desde 1996 o IEE, um índice composto por empresas do setor elétrico. No último ano, ele apresentou crescimento de 19,48%.

Fonte: CBN

Leia mais em:

https://cbn.globo.com/podcasts/cbn-especial/noticia/2024/04/29/setor-eletrico-da-passo-a-mais-para-captacao-de-recursos-e-tera-bolsa-para-chamar-de-sua.ghtml

Bandeira tarifária verde segue vigente para o mês de maio

A ANEEL(Agência Nacional de Energia Elétrica) divulgou na última sexta-feira (26) que, para o mês de maio, a bandeira tarifária verde segue vigente.
Além disso, a Agência afirmou que com condições favoráveis para a geração de energia elétrica no país, não haverá custo adicional nas contas de energia elétrica dos consumidores, o cenário que se mantém há 25 meses, desde abril de 2022.
Criado em 2015, as bandeiras tarifárias têm como objetivo ajudar o consumidor a entender a hora de economizar e a entender o valor da geração de energia do mês.
“A ANEEL reforça a importância da conscientização e do uso responsável da energia elétrica, mesmo em períodos favoráveis. A economia de energia contribui para a preservação dos recursos naturais e para a sustentabilidade do setor elétrico como um todo”, afirmou a Agência...

Fonte: Canal Solar

Leia mais em:

https://canalsolar.com.br/bandeira-tarifaria-vigente-maio/

BBCE cria programa para clientes se tornarem acionistas

A BBCE permitirá a clientes a possibilidade de se tornarem acionistas da plataforma. Essa ação se dá por meio da criação de um programa de bônus de subscrição de ações preferenciais.
Para ser elegível é necessário que a empresa cliente tenha contratado (ou venha a contratar) os planos com fidelização Intermediário, Avançado ou Profissional+. Esses pacotes, diz a plataforma, reúnem diferenciais, dentre eles, a oferta de serviços com menor custo mensal. A empresa cliente deverá aderir ao programa até 23 de junho. É necessário permanecer por 36 meses subsequentes no plano e  subscrever as ações preferenciais.
O valor a ser desembolsado pelas ações em 2027 será diferenciado, já que terá como base o preço de emissão de ação fixado no último aumento de capital social da BBCE, realizado em 2022, com desconto de 19%...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53277385/bbce-cria-programa-para-clientes-se-tornarem-acionistas

Assembleia Geral de Credores da Light é adiada para 29 de maio

A Assembleia Geral de Credores da Light que aconteceria nessa semana foi adiada para 29 de maio, às 14 horas. Segundo comunicado, um dos credores solicitou a suspensão da AGC, com a votação atingindo 99% dos presentes. A reunião está inserida no contexto de recuperação judicial da empresa e será exclusivamente na modalidade virtual, por meio da plataforma digital Assemblex, em link a ser disponibilizado pela Administração Judicial Conjunta da companhia.

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53277352/assembleia-geral-de-credores-da-light-e-adiada-para-29-de-maio

bottom of page