29/01/2021

Enel-Codensa inaugurates first 100% digital electrical substation in Colombia

The 40MVA substation, completed at a cost of more than Co$25 billion (US$6.9 million), is located near to the Salitre Wastewater Treatment Plant, where it will support decontamination of the Ríver Bogotá, as well as meet the growing demand in the west of the city, with the highway through the locality a main axis for development.

The Portugal substation, the first to be 100% digital in Colombia, is the second to come into operation of the more than thirty that are envisaged in the Bogotá-Region 2030 expansion plan, which seeks to modernise and strengthen the electrical infrastructure in Bogotá and the surrounding Cundinamarca department.

“Digitalisation is a path that we are constructing day by day to provide a better service to our customers,” says Francesco Bertoli, general manager of Enel-Codensa.

“In the Portugal substation, the processes for the acquisition of field information, supervision and control are completely digital, generating additional benefits in security, productivity and reliability of the information.”...

Fonte: Smart Energy

Leia mais em:

https://www.smart-energy.com/industry-sectors/digitalisation/enel-codensa-inaugurates-first-100-digital-electrical-substation-in-colombia/

Módulos bifaciais estão disponíveis para projetos de GD no Brasil

O mercado de geração distribuída brasileiro conta com uma novidade: a possibilidade de utilizar módulos bifaciais em seus projetos.

A tecnologia muito utilizada em projetos de grande escala, como os de geração centralizada (GC), agora podem ser aplicados em projetos de menor porte em geração distribuída.

Os painéis estão disponíveis para pronta entrega em todo território nacional. A distribuição está sendo realizada pela Aldo Solar, fruto de parceria com a Jinko Solar.

“Mais uma vez a Aldo Solar demonstra o seu pioneirismo no mercado brasileiro, sendo o primeiro distribuidor a vender os módulos bifaciais da Jinko no país. Os módulos bifaciais, como é o caso do módulo bifacial de 410 W da Jinko, vão se tornar cada vez mais comuns nos sistemas solares devido a sua grande gama de aplicação e sua maior geração de energia, dependendo do albedo”, explica Gustavo Silva, Technical Services Manager da Jinko Solar...

Fonte: Canal Solar

Leia mais em:

https://canalsolar.com.br/modulos-bifaciais-estao-disponiveis-para-projetos-de-gd-no-brasil/

Chineses são principais players do setor elétrico do Brasil, mostra estudo

Estudo produzido pelo Centro de Política de Desenvolvimento Global da Universidade de Boston mostra que os chineses, por meio de uma combinação de fusões e aquisições, investimentos diretos e um processo de internacionalização do setor elétrico brasileiro, são os principais players estrangeiros atuando no Brasil. O estudo mostra que em 2019, elas representavam 10%, 12% e 12% da geração, transmissão e distribuição do Brasil, respectivamente; ocupando o segundo, terceiro e quarto lugares em termos de porcentagem de nacionalidades.

O estudo identificou pelo menos 14 elétricas chinesas que estavam ou estão investindo ou operando no Brasil, incluindo State Grid, CTG, China General Nuclear Power (CGN) e Spic. Essas e outras empresas investiram e estiveram envolvidas em projetos de construção no Brasil que somam US$ 36,5 bilhões até 2019. O primeiro investimento foi feito em 2005, mas a partir de 2010 começa o crescimento, com o ápice nos anos de 2015, com US$ 6,5 bilhões e 2017, com US$ 15,6 bilhões, encabeçado por negócios fechados pela State Grid e CTG, como o segundo trecho do linhão de Belo Monte e a aquisição da CPFL Energia, (State Grid) e a compra das usinas de Jupia e Ilha Solteira (CTG)...

Fonte: Abrate

Leia mais em:

https://abrate.org.br/chineses-sao-principais-players-do-setor-eletrico-do-brasil-mostra-estudo/#:~:text=Chineses%20s%C3%A3o%20principais%20players%20do%20setor%20el%C3%A9trico%20do%20Brasil%2C%20mostra%20estudo,-dhservicos%20noticias%2Dabrate&text=O%20estudo%20mostra%20que%20em,termos%20de%20porcentagem%20de%20nacionalidades.

Empresas de energia limpa estão levantando quantias recordes de recursos por meio de ofertas de ações. Esta pode ser a maior oportunidade de captação do segmento em um momento em que o presidente americano, Joe Biden, articula a implementação de sua agenda para o clima.

Shoals Technologies Group, Plug Power e Gevo estão entre as companhias que aproveitaram o apetite em Wall Street por tudo o que é renovável e levantaram US$ 4,4 bilhões em ofertas de ações em janeiro, estabelecendo um novo recorde mensal, de acordo com dados compilados pela Bloomberg.

É o terceiro recorde mensal consecutivo após empreendimentos de energia solar, hidrogênio e tecnologias limpas captarem US$ 1,76 bilhão em dezembro e US$ 1,15 bilhão em novembro…

Fonte: Money Times

Leia mais em:

https://www.moneytimes.com.br/firmas-de-energia-limpa-aceleram-captacao-de-recursos-com-chegada-de-biden/

Enel SP vai instalar 300 mil medidores inteligentes

A Enel Distribuição São Paulo anunciou nesta quinta-feira, 28 de janeiro, que vai instalar 300 mil medidores inteligentes, com metade nos bairros de Pirituba e Perus, na capital paulista. O projeto vai demandar investimentos de R$ 121 milhões e será realizado com recursos do programa de Pesquisa & Desenvolvimento da Agência Nacional de Energia Elétrica. No lançamento, o Country Manager da Enel no Brasil, Nicola Cotugno, ressaltou o papel de liderança que a Enel exerce, fornecendo energia para 18 milhões  de clientes em quatro estados do Brasil. “Estamos empoderando nossos consumidores, que passam a ter um controle do seu consumo. Isso significa uma conta de energia mais barata”, afirma.

Os equipamentos, que serão fabricados pela Flex e Ducati, vão permitir a leitura remota do consumo, via site e aplicativo. Serão gerados 400 empregos. O consumo será enviado de modo automático e a distância. Segundo Bruno Cecchetti, diretor de tecnologia de redes da Enel Brasil, ao poder acompanhar o consumo será possível que o cliente se planeje, recebendo alertas e avisos de acordo com uma meta estabelecida. “Levando tecnologia para a população vamos juntos criar a São Paulo do futuro que acreditamos: tecnológica, humana, transparente, sustentável e inovadora”, observa. Cecchetti frisa que o comportamento do consumidor passa a ser mais ativo, administrando o seu consumo e podendo mudar os seus hábitos…

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53162022/enel-sp-vai-instalar-300-mil-medidores-inteligentes-esse-ano

Eficiência energética e inteligência de dados devem ampliar a viabilidade da geração solar no Brasil

Por sua posição geográfica, próximo à Linha do Equador, o Brasil é o país com maior incidência de raios solares do mundo. Segundo o Atlas Brasileiro de Energia Solar, durante todo o ano, o País recebe mais de três mil horas de luz solar. Para efeito de comparação, a Alemanha recebe 40% menos luz solar em seu território. Também por conta de sua posição no planeta, o Brasil registra pouca variação dessa incidência ao longo do ano, diferentemente de países mais distantes da zona equatorial.

O copo meio vazio, nessa equação, é constatar que a geração de energia a partir do Sol ainda é pequena no Brasil – 1,6% da matriz energética brasileira em 2020, segundo a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR). A mesma Alemanha, cuja incidência de raios solares corresponde a pouco mais da metade da quantidade registrada no Brasil, já tem 12% de geração solar em sua matriz energética…

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53161924/eficiencia-energetica-e-inteligencia-de-dados-devem-ampliar-a-viabilidade-da-geracao-solar-no-brasil

Way2 lança aplicativo para monitorar medição de usinas de energia

A Way2 lançará nesta quinta-feira, 28 de janeiro, um aplicativo que traz em tempo real e de forma remota a geração de energia de uma usina. A ideia é entregar previsibilidade para que gestores dos ativos possam agir rapidamente na sua tomada de decisão.

Segundo a empresa, os dados são coletados remotamente, direto do sistema de medição para faturamento, que pode ser entendido como a ‘caixa registradora’ da usina, já que ali são originados os dados para contabilização da energia efetivamente entregue na rede.

A Way2 informou ainda que está disponibilizando uma versão demo do aplicativo em operação para quem quiser conhecer a solução para geradores. Com o aplicativo, o usuário poderá acompanhar os dados de geração e validar o desempenho diário, mensal ou anual da sua usina. Também é possível realizar comparações com períodos anteriores e acompanhar recordes e metas de geração.

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53161933/way2-lanca-aplicativo-para-monitorar-medicao-de-usinas-de-energia

Neoenergia passa controle da Companhia Energética de Brasília para subsidiária

A Neoenergia (NEOE3) repassou o controle da CEB-D (CEBR3) para a sua subsidiária Bahia Geração de Energia, mostra documento enviado ao mercado nesta quarta-feira (27).

O repasse ocorre por conta da liquidação do leilão.

No ano passado, a empresa levou a CEB por R$ 2,5 bilhões em leilão realizado pela Aneel.

A CEB-D é a distribuidora de energia no Distrito Federal, e fornece energia elétrica para uma população de 3 milhões de pessoas. Em 2019, a CEB-D possuía 1,1 milhão de consumidores e forneceu um total de 6.577 GWh…

Fonte: Money Times

Leia mais em:

https://www.moneytimes.com.br/neoenergia-passa-controle-da-companhia-energetica-de-brasilia-para-subsidiaria/