28/08/2020

Utility industry leaders to convene for first-ever virtual Itron Utility Week

Itron has announced that its flagship event, Itron Utility Week, will bring together smart city and utility leaders to share insights and solutions to address pressing challenges and create opportunities, together.

In light of the COVID-19 pandemic, the customer-focused event will be completely virtual to ensure the safety of attendees.

For 2020, Itron Utility Week will be offered virtually and at no charge, and it will continue to provide valuable insights from across the smart city and utility space.

Marina Donovan, vice president of global marketing and public affairs at Itron, said: “Innovation starts with people, and that’s precisely why we bring together industry experts, colleagues and thought leaders each year for Itron Utility Week. Together, we will learn from one another, share fresh perspectives and open the door to endless possibilities through innovation for utilities and cities around the world...

Fonte: Smart Energy

Leia mais em:

https://www.smart-energy.com/event-news/smart-city-and-utility-industry-leaders-to-convene-for-first-ever-virtual-itron-utility-week-2020/

Os ventos que trazem bilhões

Maior empresa de energia eólica do País, a Casa dos Ventos cresce como nunca e conquista contratos com grandes empresas. Depois de concluir acordo com mineradora Vale para produção de 150 megawatts, vai entregar energia para Anglo American, Baterias Moura, Tivit e Vulcabras. A primeira fase do parque eólico de Rio do Vento, a 80 quilômetros de Natal (RN), terá produção de 500 megawatts com 120 turbinas. Com a segunda fase concluída, em 2023, o complexo deverá se tornar o maior gerador de energia eólica do mundo, segundo Lucas Araripe, presidente da Casa dos Ventos. “Nos próximos anos, vamos também investir em energia fotovoltaica, com produção no interior de São Paulo e de Minas Gerais”, afirmou o executivo. Entre 2019 e 2023, os investimentos da companhia devem atingir R$ 6,5 bilhões. “A pandemia fez com que todos pudessem degustar dos benefícios de um mundo com menos emissões. Até o céu está mais azul”, disse.

Fonte: Isto É Dinheiro

Leia mais em:

https://www.istoedinheiro.com.br/os-ventos-que-trazem-bilhoes/

Growatt assina com Aldo e fecha seu maior acordo de distribuição na América Latina

A fabricante de inversores fotovoltaicos Growatt assinou com a Aldo Solar seu maior acordo de distribuição na América Latina. Serão fornecidos mais de 45 mil inversores, com os primeiros embarques chegando no Brasil a partir de setembro deste ano.

“Estamos satisfeitos pelo acordo com a Aldo Solar desde o estabelecimento da parceria em 2019. Por meio da extensa rede de distribuição e logística da Aldo, as soluções fotovoltaicas competitivas e confiáveis ​​da Growatt serão entregues a mais e mais residências e empresas no Brasil”, disse William Xu, gerente de vendas da Growatt Brasil.

Para Aldo Pereira Teixeira, presidente e fundador da Aldo Solar, o acordo fortalece o setor no país. "A parceria com a Growatt traz a certeza de que entregaremos soluções competitivas para o mercado brasileiro de energia solar em geração distribuída. Por isso, damos mais um passo para o desenvolvimento do setor", destacou...

Fonte: Canal Solar

Leia mais em:

https://canalsolar.com.br/noticias/item/901-growatt-assina-com-aldo-e-fecha-seu-maior-acordo-de-distribuicao-na-america-latina

Britânica Czarnikow entra nos mercados de etanol e energia elétrica do Brasil

A trading de alimentos e fornecedora de serviços Czarnikow disse nesta quinta-feira que irá começar operações nos mercados de etanol e energia elétrica do Brasil, à medida que expande seu negócio com usinas de açúcar que também produzem o biocombustível e eletricidade.

A Czarnikow recebeu autorização da Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP) para abrir uma nova empresa chamada CzEnergy, que comercializará etanol no Brasil, um mercado que a companhia diz ser 50% maior que o de açúcar.

O etanol responde por cerca de 40% do combustível usado pela frota de automóveis leves do Brasil, o que torna o país o segundo maior mercado global para o combustível, atrás apenas dos Estados Unidos.

“O produtor de açúcar, não apenas no Brasil, mas em outros lugares, está também produzindo etanol e eletricidade (a partir de biomassa). Então, queremos oferecer serviços de ´trading´, financiamento e hedge para outros produtos além de açúcar”, disse o chefe da Czarnikow Brasil, Tiago Medeiros...

Fonte: Mix Vale

Leia mais em:

https://www.mixvale.com.br/2020/08/27/britanica-czarnikow-entra-nos/

ANEEL debate desoneração tarifária e agenda pós-pandemia em evento internacional

Desoneração tarifária, investimentos e o futuro da agenda regulatória pós-pandemia foram alguns dos temas abordados nesta quarta-feira (26/8) pelo diretor-geral da ANEEL, André Pepitone, durante o evento internacional Brazil Virtual ENergy Summit, no painel Aperfeiçoamentos regulatórios e mudanças necessárias no setor elétrico.

O evento teve ainda a participação da ex-diretora da ANEEL Joísa Dutra, diretora do Centro de Estudos de Regulação e Infraestrutura da FGV, e o presidente da Comissão Especial de Energia do Conselho Federal da OAB, Gustavo De Marchi, entre outros especialistas.

Pepitone destacou em sua fala avanços recentes, como a histórica aprovação da solução para o GSF, que aguarda agora sanção presidencial. “E, associado ao GSF, temos de aprimorar o Mecanismo de Realocação de Energia (MRE)”, disse.

Ao falar sobre a necessidade de atrair investimentos para reaquecer a economia após a crise, ele destacou o papel da ANEEL.

“ O país está preparado para receber investimentos estrangeiros. No leilão de transmissão que a ANEEL realizará em dezembro vamos alavancar investimentos estimados em R$ 7,4 bilhões”, disse Pepitone.

Fonte: Aneel

Leia mais em:

https://www.aneel.gov.br/sala-de-imprensa-exibicao-2/-/asset_publisher/zXQREz8EVlZ6/content/aneel-debate-desoneracao-tarifaria-e-agenda-pos-pandemia-em-evento-internacional/656877?inheritRedirect=false&redirect=https%3A%2F%2Fwww.aneel.gov.br%2Fsala-de-imprensa-exibicao-2%3Fp_p_id%3D101_INSTANCE_zXQREz8EVlZ6%26p_p_lifecycle%3D0%26p_p_state%3Dnormal%26p_p_mode%3Dview%26p_p_col_id%3Dcolumn-2%26p_p_col_pos%3D1%26p_p_col_count%3D3

Realidade aumentada é aposta da Mercedes no pós-venda

Novas tecnologias, como a realidade aumentada, vêm sendo utilizadas pelo setor de transporte e logística para melhorar a qualidade dos serviços. A Mercedes-Benz, por exemplo, passará a contar em breve com óculos de realidade aumentada em sua rede de concessionárias. A novidade, que aplica simulação virtual sobre o mundo real, permite modernizar ações de treinamentos e manutenção, por exemplo.

Em setembro, pelo menos 10 autorizadas da marca vão contar com a nova ferramenta. A estimativa é do diretor de peças e serviços da fabricante, Silvio Renan. “Até 2021, cerca de 100 concessionárias terão esses óculos”, diz. O executivo conta que o plano de iniciar a implantação da ferramenta no primeiro semestre deste ano foi postergado por causa da covid-19.

O uso dos óculos de realidade aumentada vai refletir diretamente na melhoria do índice de satisfação do cliente. A informação é da Mercedes-Benz. A ferramenta permitirá que diagnósticos mais complexos, que dependem de orientação da fábrica, poderão ser solucionados instantaneamente. Renan afirma que, sem essa tecnologia, o tempo de resolução de casos muito específicos pode levar de três dias a uma semana para ser concluído...

Fonte: Estadão

Leia mais em:

https://estradao.estadao.com.br/caminhoes/oculos-realidade-aumentada-mb/