21/02/2020

Energia automatizada

A distribuidora de energia Enel, sob comando do presidente Nicola Cotugno, investiu R$ 870 milhões para automatizar seu sistema de leitura e cobrança de consumo. No ano passado, o grupo instalou cerca de 20 mil equipamentos telecomandados, um aumento de 17% em relação ao ano anterior. O projeto focou São Paulo, Rio de Janeiro, Goiás e Ceará. Com esses equipamentos é possível religar remotamente, em alguns minutos, o serviço para grande parte dos clientes afetados por interrupções. Já aplicada com sucesso nas distribuidoras do Grupo Enel na Itália e na Romênia, a tecnologia do Telecontrole começou a ser utilizada no Brasil em 2013 e tem contribuído para automatizar a rede elétrica das distribuidoras da Enel no Brasil.

Fonte: Isto É Dinheiro

Leia mais em:

https://www.istoedinheiro.com.br/energia-automatizada/

A proposta de mudança da norma de geração distribuída de energia

A Aneel realizou consulta pública (nº 025/2019), aberta em 17 de outubro e encerrada em 30 de dezembro último, relativa à proposta de revisar sua Resolução Normativo 482/2012, referente às regras aplicáveis à mini e microgeração distribuída, no tocante ao sistema de compensação de créditos. A possibilidade de modificação da norma em 2019 foi prevista pela Resolução 687/2015, que alterou a primeira, com os seguintes objetivos: reduzir os custos e tempo para a conexão da microgeração e minigeração; compatibilizar o Sistema de Compensação de Energia Elétrica com as Condições Gerais de Fornecimento (Resolução Normativa nº 414/201); aumentar o público alvo; e melhorar as informações nas faturas...

Fonte: Estadão

Leia mais em:

https://politica.estadao.com.br/blogs/fausto-macedo/a-proposta-de-mudanca-da-norma-de-geracao-distribuida-de-energia/

Sistema de monitoramento por réplicas virtuais é implantado em Itaipu

A Hidrelétrica de Itaipu recebeu uma atualização do SOMA (Sistema Orientado ao Monitoramento de Ativos) na primeira semana de fevereiro, colocando em produção ferramentas de monitoramento em tempo real para os diversos equipamentos que compõem a unidade geradora, por meio da navegação virtual em modelos tridimensionais.

Através da Interface Homem-Máquina 3D (IHM-3D), o usuário do Sistema pode visualizar, em réplicas virtuais dos geradores, a posição exata em que se originam os sinais gerenciados, podendo também identificar subsistemas afetados e investigar a interação entre os sinais nos diversos componentes dos equipamentos, facilitando a análise de seus modos de falha.

Além da navegação pela estrutura da máquina e dos sinais de monitoramento, a IHM-3D permite desmontar e remontar virtualmente cada parte do gerador com seus respectivos sensores. A incorporação de réplicas virtuais ao monitoramento de ativos é um dos pilares da Indústria 4.0, que busca aprimorar a gestão e a operação dos equipamentos a partir dos seus modelos digitalizados, também chamados ‘digital twins’ ou gêmeos digitais...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53127651/sistema-de-monitoramento-por-replicas-virtuais-e-implantado-em-itaipu

Engie fecha parceria para instalar 200 eletropostos no Brasil até 2022

A Engie fechou uma parceria com a Audi para a instalação de 200 eletropostos para veículos elétricos no Brasil até 2022. O modelo de carregador a ser utilizado tem potência 22 kW, é à prova de fogo, choque e intempéries, informa a companhia. O tempo para uma recarga completa poderá variar de acordo com o nível de carga da bateria e capacidade de carregamento no modo AC do veículo.

O CEO da Engie Brasil, Mauricio Bähr, celebrou o acordo com a fabricante alemã e disse que o momento é de desenvolver esse segmento no país. “Esta parceria customizada com a Audi mostra que somos parceiros para projetos de mobilidade elétrica no Brasil“, pontuou.

Já o CEO e presidente da Audi do Brasil, Johannes Roscheck, confirmou a chegada no país do Audi e-tron, SUV 100% elétrico da empresa, para primeira quinzena de abril. Segundo ele, em diversas pesquisas realizadas sobre veículos elétricos, a infraestrutura de recarga sempre aparece como um dos pontos de maior preocupação dos potenciais consumidores...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53127635/engie-fecha-parceria-para-instalar-200-eletropostos-no-brasil-ate-2022