18/09/2020

Augmented reality solution for remote power system field worker support launched

Remote Expertise, an augmented reality-based solution for remote field services technical support of power system equipment, has been launched by Schneider Electric.

The solution is aimed to provide virtual technical and domain expertise support to customers, without the need for a field service representative to be onsite.

Remote Expertise leverages augmented reality software with delivery via a secure and platform-agnostic mobile application. It is designed to give customers access to experienced field technicians virtually and enable quick and efficient troubleshooting of common challenges.

With the solution, field technicians can perform duties in real time such as distribution system assessments and audits, as well as delivery of safety and compliance recommendations. Equipment status reporting and provision of basic corrective measures are other opportunities...

Fonte: Smart Energy

Leia mais em:

https://www.smart-energy.com/industry-sectors/new-technology/augmented-reality-solution-for-remote-power-system-support-launched/

Neoenergia (NEOE3) firma contrato para aquisição de energia eólica

A Neoenergia (NEOE3) informou, na manhã desta sexta-feira (18), que adquiriu um novo pipeline de projetos de geração de energia eólica. A informação foi revelada por meio de um comunicado ao mercado.

Segundo a empresa, a compra foi realizada por meio de sua subsidiária Neoenergia Renováveis S.A., junto à PEC Energia. A aquisição tem potencial de ser instalada em aproximadamente 400 MW. O valor total da aquisição pode atingir R$ 80 milhões, a serem pagos a partir do fechamento do negócio e em razão de determinados marcos de desenvolvimento dos parques.

Os projetos estão localizados na Serra da Gameleira, no estado da Bahia, e compreende uma área total de cerca de 7.800 hectares. A Neoenergia também passou a ser titular do direito ao futuro exercício de opção de compra, junto à PEC, de outros projetos eólicos na região. A opção poderá ser exercida a critério da subsidiária, ocasião em que será informada ao mercado junto às condições de preço e MW atrelados...

Fonte: Suno Research

Leia mais em:

https://www.sunoresearch.com.br/noticias/neoenergia-neoe3-aquisicao-energia-eolica/

Voltalia e Copel assinam contrato para construção de usina solar de 260 MW

A Voltalia assinou um contrato de longo prazo de venda de energia com a Copel, por meio da construção de uma usina solar de 260 MW localizada no cluster de Serra Branca, no Rio Grande do Norte. O acordo prevê 14 anos de fornecimento, começando em 2023. A expectativa é que o projeto seja comissionado no primeiro semestre de 2022, com a produção antecipada comercializada em um contrato de curto prazo já firmado com a Copel.

“Graças a esse contrato, a Votalia alcançará 1.9 GW de projetos desenvolvidos no nosso cluster em Serra Branca. Esse novo sucesso ilustra a qualidade de nosso complexo solar e eólico que atrai empresas locais e estrangeiras que querem uma fonte de energia limpa”, declarou o CEO da Voltalia, Sébastien Clerc...

Fonte: Portal Solar

Leia mais em:

https://www.portalsolar.com.br/blog-solar/energia-solar/voltalia-e-copel-assinam-contrato-para-construcao-de-usina-solar-de-260-mw.html

Movimento Solar Livre dedica esforços para aprovar PL 2215 ainda em 2020

“Noventa e nove porcento dos nossos esforços estão voltados para caminhos que nos levem para que o PL (Projeto de Lei) 2215 seja promulgado ainda esse ano. Essa é nossa luta, o nosso foco”. Esta é a afirmação de Anaibel Novas, vice-presidente do MSL (Movimento Solar Livre), grupo que luta pelo uso livre da energia solar no modelo de GD (geração distribuída).

A executiva participou do podcast Papo Solar e comentou que a aprovação do PL 2215 é vital para o enfrentamento da crise provocada pela pandemia da Covid-19, pois a economia de energia é imprescindível para sobrevivência dos pequenos e médios negócios.

“O PL 2215 traz segurança jurídica. E ele ainda tem uma vantagem de ser elaborado pelos instaladores, integradores, pelas pessoas que fazem acontecer. Recebemos várias contribuições para melhorar todo o conteúdo dessa lei. Nós utilizamos todos esses conteúdos, que melhoraram as nossas condições para termos negócios estáveis”, disse Anaibel...

Fonte: Canal Solar

Leia mais em:

https://canalsolar.com.br/noticias/item/992-movimento-solar-livre-dedica-esforcos-para-aprovar-pl2215-ainda-em-2020

Cinco mil municípios brasileiros já possuem energia solar

Cinco mil municípios brasileiros utilizam energia solar fotovoltaica em telhados, pequenos terrenos residenciais, comércios e indústrias, além de propriedade rurais e prédios públicos. É o que apontou um levantamento realizado pela ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica).

Segundo a associação, já são 3,5 gigawatts instalados e 294 mil sistemas fotovoltaicos conectados à rede.

Além disso, a ABSOLAR constatou que mais de R$ 17 bilhões foram investidos e acumulados desde 2012, gerando cerca de 120 mil empregos no setor de GD (geração distribuída).

Ainda de acordo com a associação, a fonte solar fotovoltaica vem liderando o segmento de geração distribuída, com mais de 99,9% das instalações do país, levando economia e sustentabilidade a aproximadamente 367 mil unidades consumidoras...  

Fonte: Canal Solar

Leia mais em:

https://canalsolar.com.br/noticias/item/989-cinco-mil-municipios-brasileiros-ja-possuem-energia-solar

Green Yellow fecha dois acordos que somam aportes de R$ 62 mi

A Green Yellow fechou dois contratos para projetos de energia solar cujos projetos somam 19,3 MW de capacidade instalada e investimentos de R$ 62 milhões para empresas do ramo de telecomunicações e varejo. Além das usinas, o escopo dos acordos envolvem serviços fornecidos pela empresa de origem francesa.

Um dos acordo foi feito com a varejista Magalu, que contará com recursos vindos de três usinas fotovoltaicas, localizadas nos estados de São Paulo e Paraná. O investimento realizado pela multinacional francesa é de aproximadamente R$ 18 milhões. O acordo envolve ainda a operação, manutenção das usinas, bem como o monitoramento desse recurso.

O contrato funciona dentro do modelo de aluguel, prevê a entrega de 9.307,1 MWh por ano, que serão direcionados para abastecer a rede de lojas da varejista. Juntas as usinas envolvidas possuem 4,9 MWp de potência instalada...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53147686/green-yellow-fecha-dois-acordos-que-somam-aportes-de-r-62-mi

Copel aplica R$ 15 mi em ampliações de subestações

A área de geração e transmissão da Copel anunciou a conclusão das obras de ampliação da subestação Umuarama Sul, no noroeste paranaense. Foram instalados novos bancos de capacitores na unidade, que opera em 230 mil volts e que aliviam a corrente que passa pelos transformadores, reduzindo perdas técnicas e evitando a sobrecarga em situações mais extremas, como o desligamento de um dos transformadores da SE.

Segundo a companhia, devem entrar também em operação ainda neste mês os novos bancos de capacitores em outras duas subestações de mesmo porte: Figueira e Apucarana. O investimento total nos três projetos é de aproximadamente R$ 15 milhões e preveem um aumento de R$ 2,9 milhões na Receita Anual Permitida (RAP) da empresa quando finalizados.

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53147462/copel-aplica-r-15-mi-em-ampliacoes-de-subestacoes

Copel vai operar microrredes com geração distribuída

A Copel lançará, em breve, chamada pública para contratação de energia proveniente de acessantes de geração distribuída. A autorização, inédita no Brasil, foi dada pela Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel), mediante solicitação feita pela Companhia para implantar um projeto-piloto de compra de energia proveniente de geradores conectados ao sistema de distribuição, com o objetivo de obter benefícios de disponibilidade do fornecimento e otimização de recursos.

A iniciativa deve atrair produtores independentes de energia de pequeno e médio porte, incluindo minigeradores. Para vender energia à distribuidora, no entanto, eles terão de atender ao requisito de constituir uma microrrede.

Microrredes são sistemas elétricos independentes, uma espécie de “ilha de energia”, na qual a geração, o armazenamento e o consumo podem funcionar conectados ou não à rede de distribuição... 

Fonte: AEN PR

Leia mais em:

http://www.aen.pr.gov.br/modules/noticias/article.php?storyid=108836

Portaria define diretrizes de leilão de energia para sistemas isolados

O Ministério de Minas e Energia (MME) publicou hoje (17) uma portaria com as diretrizes para o leilão para suprimento de energia nos sistemas isolados, previsto para ocorrer em março de 2021. O certame vai contratar soluções para o fornecimento de energia a 23 localidades na Região Norte, que não são conectadas no sistema de energia nacional.

O suprimento de energia vai atender localidades situadas nos estados do Acre (3), Amazonas (5), Pará (10), Rondônia (2) e Roraima (3). As localidades serão divididas em lotes e as soluções de suprimento deverão atender todas as localidades que compõem um determinado lote.

De acordo com a portaria, os empreendedores interessados deverão cadastrar suas soluções de suprimento junto à Empresa de Pesquisa Energética (EPE), até às 12h do dia 4 de dezembro...

Fonte: Agência Brasil

Leia mais em:

https://agenciabrasil.ebc.com.br/economia/noticia/2020-09/portaria-define-diretrizes-de-leilao-de-energia-para-sistema-isolados

China avalia metas mais ambiciosas de energia limpa

China, país que mais polui no mundo, toma medidas para reduzir emissões de gases de efeito estufa e estuda propostas para acelerar a adoção de energia limpa como parte do próximo plano quinquenal a partir de 2021.

A meta atual da China é obter 20% do consumo de energia primária de combustíveis não fósseis até 2030. Uma opção avaliada é antecipar essa meta, possivelmente até 2025, de acordo com pessoas a par das discussões que não quiseram ser identificadas.

Outra proposta é cortar a participação do carvão na matriz energética para 52% até 2025, dos 57,5% previstos para o fim deste ano, disse uma das pessoas.

No próximo mês, líderes do país definirão uma ampla estratégia para 2021-2025, com detalhes específicos a serem divulgados em março do próximo ano...

Fonte: Money Times

Leia mais em:

https://www.moneytimes.com.br/china-avalia-metas-mais-ambiciosas-de-energia-limpa/

Transformações no setor de energia resultarão em apenas um terço das metas de descarbonização global

Transformar apenas o setor de energia através das fontes renováveis fará com que o mundo atinja um terço das metas para zerar emissões e esforços de descarbonização precisam ser intensificados em outros segmentos da economia, aponta relatório da Agência Internacional de Energia (AIE). A entidade aponta que o desenvolvimento e instalação de tecnologias de geração limpa é urgente para reduzir impactos de áreas como transporte, construção e indústria. 

O estudo Energy Technology Perspectives 2020 analisou mais de 800 opções de tecnologias para estimar o que seria necessário acontecer para neutralizar emissões até 2070, ao mesmo tempo em que se garante um sistema de energia seguro e resiliente. A conclusão é de que transicionar apenas o setor de energia para fontes renováveis faria o mundo atingir somente um terço das metas de descarbonização...

Fonte: Portal Solar

Leia mais em:

https://www.portalsolar.com.br/blog-solar/energia-renovavel/transformacoes-no-setor-de-energia-resultarao-em-apenas-um-terco-das-metas-de-descarbonizacao-global.html

EDP Smart vai triplicar investimentos em energia solar no Brasil

A portuguesa EDP, por meio da EDP Smart, planeja triplicar os investimentos em energia solar no Brasil, passando dos atuais R$ 100 milhões para R$ 300 milhões anuais. A empresa já possui 29 MWp de capacidade instalada no país e 59 MWp em projetos vendidos.

“Se tem um lugar no mundo com potencial de crescimento da energia solar, esse lugar é o Brasil. Temos uma vantagem competitiva inigualável”, disse Carlos Andrade, vice-presidente de Estratégia e Desenvolvimento de Negócios da EDP, durante live realizada nesta quarta-feira, 16 de setembro.

Segundo o executivo, a estratégia da companhia para o segmento solar é estar próximo ao cliente final, tanto para empresas como pessoas físicas. “Vamos investir em geração centralizada também. Mas não nos interessa oferece energia para o sistema como um todo, mas para o cliente final, como comércio, indústria e em conjunto com a EDP Renováveis”, disse Andrade...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53147428/edp-smart-vai-triplicar-investimentos-em-energia-solar-no-brasil

Webinar da ANEEL vai explicar como sugerir temas para a Agenda Regulatória 2021/2022

A Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL) promoverá nesta sexta-feira (18/9), às 14h30, webinar para orientar os interessados sobre como contribuir com a construção da Agenda Regulatória da ANEEL para 2021/2021. O evento será transmitido ao vivo pelo YouTube da Agência (www.youtube.com/aneel), e os interessados também poderão entrar na sala do webinar (via plataforma Teams, neste link).
A Agenda Regulatória é um importante instrumento de transparência que apresenta a relação de temas do setor elétrico que podem ser regulados ou estudados pela ANEEL no horizonte de dois anos. Atualmente, a ANEEL está recebendo as sugestões da sociedade para o ciclo 2021/2022, por meio da Tomada de Subsídios nº 9/2020. Saiba mais. Para participar, os interessados devem preencher o formulário de contribuições disponível em www.aneel.gov.br/tomadas-de-subsidios. O prazo vai até 9/10/2020.
No webinar da próxima sexta-feira, a equipe da ANEEL vai apresentar detalhes sobre o processo de elaboração da Agenda Regulatória e tirar dúvidas dos interessados.

Fonte: Aneel

Leia mais em:

https://www.aneel.gov.br/sala-de-imprensa-exibicao-2/-/asset_publisher/zXQREz8EVlZ6/content/aneel-promovera-webinar-para-explicar-como-sugerir-temas-para-a-agenda-regulatoria-2021-2022/656877?inheritRedirect=false&redirect=https%3A%2F%2Fwww.aneel.gov.br%2Fsala-de-imprensa-exibicao-2%3Fp_p_id%3D101_INSTANCE_zXQREz8EVlZ6%26p_p_lifecycle%3D0%26p_p_state%3Dnormal%26p_p_mode%3Dview%26p_p_col_id%3Dcolumn-2%26p_p_col_pos%3D1%26p_p_col_count%3D3