17/08/2020

Copel contrata 162 MW médios em leilão privadog 

A Copel Mercado Livre, subsidiária da estatal paranaense que atua na comercialização de energia no ACL fechou a segunda etapa de seu Leilão de Compra de Energia Incentivada Solar e Eólica com a contratação de 162 MW médios, pelo prazo de 13 anos. O início de fornecimento se dará em janeiro de 2023. Os empreendimentos vencedores do certame totalizam 595 MW de capacidade instalada, sendo 184 MW de energia eólica e 411 MW de energia solar. Segundo a empresa são novas usinas que ainda serão construídas para entrega da energia para a Copel.

Com a contratação, explicou em comunicado, amplia seu portfólio de produtos oferecidos aos seus clientes, além de impulsionar a geração de energia a partir de fontes renováveis. Franklin Miguel, diretor geral da empresa, lembrou que somente o mercado livre de energia está sendo responsável pela expansão de geração do setor elétrico nacional neste ano. E que isso é sinal de maturidade do mercado livre.

A Chamada Pública foi lançada no final de 2019, com previsão de compra de energia de novos empreendimentos em três etapas. A primeira etapa foi realizada em fevereiro de 2020. A terceira etapa está prevista para o final de 2020.

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53143922/copel-contrata-162-mw-medios-em-leilao-privado

Spectrum as a Service: gerenciamento e controle de redes para distribuidoras, plantas industriais e produtores de energia de todos os perfis

As redes de energia estão em pleno processo de transformação, agregando uma variedade crescente de fontes geradoras, como eólica, solar, biomassa, pequenas centrais térmicas e hidrelétricas, entre outras. Muito dessa transformação tem sido motivado pelas novas legislações, que funcionam como estímulo para a entrada de novos players no mercado de geração e comercialização de energia. Quanto mais a produção se descentraliza e agrega fontes variadas, maior a demanda por segurança  e estabilidade no fornecimento. Isso acontece por vários motivos, desde exigências regulatórias até viabilidade econômica desses empreendimentos.

Dispor de um sistema avançado de gerenciamento e controle de redes tem se tornado uma necessidade praticamente universal para todos os produtores e distribuidores de energia. O conceito SCADA (do inglês Supervisory Control and Data Acquisition) tem se provado altamente aplicável a processos desse tipo, ao prover dados para o controle e o gerenciamento de redes de energia. O acesso cada vez mais ampliado e seguro a sistemas em nuvem viabiliza a utilização do método por produtores de diferentes perfis...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53143900/spectrum-as-a-service-gerenciamento-e-controle-de-redes-para-distribuidoras-plantas-industriais-e-produtores-de-energia-de-todos-os-perfis

Quase 2 mil 'gatos' na rede elétrica são identificados em seis meses nas regiões de Itapetininga e Sorocaba

Quase 2 mil ligações clandestinas na rede elétrica, conhecida popularmente por "gato", foram identificadas durante o primeiro semestre de 2020 nas regiões de Itapetininga, Sorocaba e Jundiaí (SP).

Segundo a concessionária responsável pelo fornecimento de energia elétrica na região, a energia furtada com essas ligações poderiam abastecer mais de 100 mil casas durante um mês.

Conforme a companhia, uma das consequências das fraudes e furtos é a piora na qualidade do serviço de distribuição de energia, pois as ligações clandestinas sobrecarregam as redes elétricas causando choques, incêndios ou acidentes.

Por conta disso, a empresa está disponibilizando um canal para denúncias de "gato".

Segundo a empresa, o volume obtido em mais de 37 mil inspeções seria suficiente para abastecer 108 mil casas na região de Sorocaba e Jundiaí...

Fonte: G1

Leia mais em:

https://g1.globo.com/sp/itapetininga-regiao/noticia/2020/08/17/empresa-de-energia-disponibiliza-canal-de-denuncia-de-gatos-na-rede-eletrica.ghtml

Data-driven energy management systems prove key to greater efficiency

A white paper released by ABB has revealed that smart energy management systems can help facility managers reduce energy consumption by up to 45%.

In the paper, The new era of energy management, ABB explains the multiple benefits of utilizing smart energy management systems that leverage new digital technologies, such as artificial intelligence, machine learning and the Internet of Things (IoT).

These technologies are paving the way for greater efficiency and higher cost savings while ensuring sustainable operations.

With global energy consumption expected to almost double by 2050, according to the U.S. Energy Information Administration, the spotlight is on companies around the world to sharpen their focus on both the amount of energy they are using and the resulting emissions they generate…

Fonte: Smart Energy

Leia mais em:

https://www.smart-energy.com/industry-sectors/data_analytics/data-driven-energy-management-systems-prove-key-to-greater-efficiency/

Curitiba quer voltar a ser referência ambiental, agora em energias renováveis

Uma proposta construída ao longo dos últimos três anos que revê toda a política ambiental de Curitiba tramita na Câmara Municipal e deve ser votada nas próximas semanas.

Apresentado pelo Executivo, o texto, com 170 artigos, pretende reunir as diversas normas relacionadas ao tema criadas ao longo de quase 30 anos e adequar a legislação a mudanças ocorridas em nível federal e estadual desde que entrou em vigor a atual política de proteção, conservação e recuperação do meio ambiente, considerada pioneira no país, em 1991.

Entre as inovações do projeto, o superintendente de Controle Ambiental da Secretaria Municipal de Meio Ambiente (SMMA), Ibson de Campos, destaca a questão das energias renováveis e da eficiência energética, temas que não estão previstos na legislação em vigor. “Estamos propondo princípios e diretrizes para a adoção de novas tecnologias, algo que nem se comentava no início dos anos 1990.” A ideia é tornar o município referência na área, assim como ocorreu com o sistema de coleta de lixo reciclável no passado…

Fonte: Tribuna PR

Leia mais em:

https://www.tribunapr.com.br/noticias/curitiba-regiao/curitiba-quer-voltar-a-ser-referencia-ambiental-agora-em-energias-renovaveis/

Siemens fornece solução de assistência técnica remota a linhas de Metrô em São Paulo e Salvador

A Siemens Mobility divulgou nesta semana que um de seus produtos possibilita resolver problemas remotamente de 1º, 2º e 3º nível de manutenção na infraestrutura de sinalização ferroviária diminuindo a exposição dos técnicos e engenheiros, em tempos de pandemia.

Todo operador metroviário precisa sempre pensar em dois grandes pilares para a operação: Disponibilidade e confiabilidade máxima. Mas por conta da crise sanitária, há a preocupação de proteger os trabalhadores.

O produto contribui, seja no desenvolvimento de um novo produto para garantir padrões de qualidade, ou na assistência remota para a identificação e solução de falhas, no teste e comissionamento realizados virtualmente, ou até mesmo na otimização de suas atividades diárias.

Os eventuais problemas técnicos devem ser solucionados sempre com rapidez a fim de evitar maiores impactos futuros, como a deterioração do sistema, atrasos ou até mesmo a interrupção da operação comercial...

Fonte: Viatrolebus

Leia mais em:

https://viatrolebus.com.br/2020/08/siemens-fornece-solucao-de-assistencia-tecnica-remota-a-linhas-de-metro-em-sao-paulo-e-salvador/

Solar e eólica atingem recorde de 10% da matriz energética global

As fontes solar e eólica atingiram um recorde de 10% da eletricidade global durante os primeiros seis meses de 2020. É o que apontou um estudo realizado pelo Ember, empresa internacional de pesquisa sobre o setor de energia.

Segundo a consultoria, a geração a partir de ambas ​​cresceu 14% no primeiro semestre deste ano em comparação com o mesmo período de 2019, enquanto a produção de carvão caiu 8,3%.

“O declínio global das emissões do setor de carvão e energia é uma boa notícia para o clima, mas os governos precisam acelerar drasticamente a transição da eletricidade para que a geração global de carvão entre em colapso ao longo da década de 2020”, disse Dave Jones, analista sênior de eletricidade do Ember.

“Mudar do carvão para o gás é apenas trocar um combustível fóssil por outro. A maneira mais rápida e barata de acabar com a geração do mesmo é por meio de uma rápida implantação de energia solar e eólica”, destacou o especialista...

Fonte: Canal Solar

Leia mais em:

https://canalsolar.com.br/noticias/item/854-solar-e-eolica-atingem-recorde-de-10-da-matriz-energetica-global

Regramento da geração distribuída é tema fundamental que deve ser tratado pelo Congresso ainda em 2020

A nova legislação que trata do regramento da geração distribuída (GD) no Brasil é um tema fundamental para o setor e deve ser tratado pelo Congresso ainda em 2020, declarou o deputado federal Lafayette Andrada (Republicanos-MG), durante transmissão online promovida pela Frente Parlamentar Ambientalista. Ele destacou que a necessidade de uma resolução mais rápida da questão justifica a apresentação de um texto específico sobre o tema, em separado do novo marco regulatório do setor elétrico, que também passa por tramitação no legislativo.

“Buscamos um modelo que não prejudique nem a fonte solar e nem as distribuidoras, que reclamam que, dentro da legislação atual, não são remuneradas pelo fio. Mas a proposta original da ANEEL [Agência Nacional de Energia Elétrica] era inviável. Conseguimos propor um texto que é um meio termo e beneficia todos os agentes do mercado”, disse o parlamentar...

Fonte: Portal Solar

Leia mais em:

https://www.portalsolar.com.br/blog-solar/energia-solar/regramento-da-geracao-distribuida-e-tema-fundamental-que-deve-ser-tratado-pelo-congresso-ainda-em-2020.html