14/02/2020

Projetos de energia solar lideram leilão de energia nova

Os projetos de energia solar responderam por mais da metade de toda a oferta inscrita para o próximo leilão de energia nova A-4, marcado para 28 de maio de 2020, previstos para operarem no início de 2024. Somente de geração energia solar, foram cadastrados 794 projetos, com um total de 28.667 megawatts (MW) de capacidade, segundo a Empresa de Pesquisa Energética (EPE). O montante equivale a 55% do total inscrito para o leilão de 51.438 MW, por meio de 1.528 empreendimentos.

Os projetos eólicos também tiveram destaque no número de inscrições, somando 659 projetos de geração, com o total de capacidade instalada de 20.825 MW. Juntas, as fontes eólica e solar respondem por 96,2% de toda a oferta cadastrada para o leilão...

Fonte: Portal Solar

Leia mais em:

https://www.portalsolar.com.br/blog-solar/energia-renovavel/projetos-de-energia-solar-lideram-leilao-de-energia-nova.html

ABB coloca em operação subestação digital em 500 kV, a primeira no mundo

A multinacional ABB colocou em operação a sua segunda subestação digital no país. Pela primeira vez em 500 kV de corrente alternada no mundo, está na planta solar São Gonçalo, de 475 MW da Enel Green Power, localizada em São Gonçalo do Gurgueia, Piauí, que teve a operação antecipada em um ano pela geradora italiana. A empresa está otimista com esse modelo de subestação e, apesar de não revelar números, é a aposta para o desenvolvimento do setor nos próximos anos.

De acordo com o diretor geral da divisão de Power Grid da ABB no Brasil, José Paiva, essa é a primeira etapa desse projeto da EGP, que prevê uma capacidade instalada total de 1,2 GW e que a geradora destaca ser a maior planta dessa fonte na América do Sul. Nesse sentido, há perspectiva de aumento da capacidade para a subestação fornecida pela companhia...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53126946/abb-coloca-em-operacao-subestacao-digital-em-500-kv-a-primeira-no-mundo

“Investimento chinês na EDP pode apresentar problemas” de segurança para EUA

O secretário da Energia dos Estados Unidos, Dan Brouillette, afirmou em Lisboa que “o investimento chinês na EDP pode apresentar problemas” de segurança aos Estados Unidos devido à presença da empresa no país.

“A preocupação que há é que à medida que a EDP continua a crescer nos Estados Unidos, que nós esperamos que continue, a presença do investimento chinês na EDP possa apresentar problemas (…), e isso é o que iremos avaliar”, disse o secretário da Energia do Governo do presidente Donald Trump.

Num encontro com jornalistas num hotel de Lisboa, o governante americano afirmou que a abordagem chinesa é a de “roubar propriedade intelectual”, algo que “apresenta um risco para a rede de eletricidade dos Estados Unidos ou para a Defesa Nacional” norte-americana...

Fonte: Mundo Lusíada

Leia mais em:

https://www.mundolusiada.com.br/box3/investimento-chines-na-edp-pode-apresentar-problemas-de-seguranca-para-eua/

Canadian Solar garante financiamento de US $ 55 milhões para projeto no Brasil

Canadian Solar garantiu um financiamento de projeto sem recurso de BRL 225,2 milhões (US $ 55 milhões) do Banco do Nordeste do Brasil (BNB) para seus projetos de energia solar em Lavras.

A empresa de energia solar disse que seu projeto de 152.4MW Lavras será financiado durante as fases de construção e operação dos projetos, por um período de 21 anos.

A Canadian Solar recebeu BRL1007m (US $ 247m) em financiamento de projetos solares do BNB desde o início de 2019.

O presidente e CEO da Canadian Solar, Shawn Qu, disse: “Estamos muito satisfeitos em fechar nosso quinto financiamento consecutivo de projetos com o BNB. O compromisso sustentável do setor público com infraestrutura de energia solar limpa e acessível transformou o Brasil no mercado de energia renovável que mais cresce na América Latina...

Fonte: O Petróleo

Leia mais em:

https://www.opetroleo.com.br/canadian-solar-garante-financiamento-de-us-55-milhoes-para-projeto-no-brasil/