09/10/2020

Aparecida de Goiânia caminha para se tornar cidade inteligente

Desde o ano passado, o município de Aparecida de Goiânia, em Goiás, caminha para um modelo de cidade inteligente, quando inaugurou a nova sede da prefeitura, chamada Cidade Administrativa. Dando continuidade ao projeto nomeado de “Cidade Inteligente”, o prefeito Gustavo Mendanha (MDB) acaba de inaugurar os Centro de Inteligência Tecnológica (Cit) que abriga duas salas de videomonitoramento e um datacenter. 

A unidade é a base do que se pretende construir – uma cidade com processos automatizados, operados por inteligência artificial e alimentados por energia solar, gerando mais segurança e economia de custos. 

Somente a nova sede da prefeitura, na Cidade Administrativa, economiza R$ 2 milhões anuais em relação à sede anterior com energia solar e sistemas integrados de informação. O prédio moderno possui uma árvore solar logo na entrada, onde também foram instaladas diversas placas solares. Toda a energia gerada é direcionada para os elevadores do prédio.  Também foi montado projeto para que a água da chuva seja aproveitada...

Fonte: Portal Solar

Leia mais em:

https://www.portalsolar.com.br/blog-solar/energia-renovavel/aparecida-de-goiania-caminha-para-se-tornar-cidade-inteligente.html

Nonato Castro é o novo presidente da Light

O engenheiro eletricista Nonato Castro foi eleito na última quinta-feira, 8 de outubro, em reunião do Conselho de Administração da Light, para o cargo de Diretor Presidente da Companhia. Castro substitui Ana Marta Horta Veloso, que ocupava o cargo desde abril de 2019. Em comunicado à imprensa, a Light agradeceu Ana Marta Veloso pelo profissionalismo e dedicação na busca por resultados.

Raimundo Nonato Alencar de Castro é formado em Engenharia Elétrica pela Universidade de Fortaleza, tem especialização em Tecnologia Digital pela Universidade Federal da Bahia e MBA em Gestão de Negócios de Energia Elétrica pela FGV. O novo presidente da Light possui ampla experiência no setor, tendo ocupado diversas posições no Grupo Equatorial Energia, destacando-se as de diretor presidente da Cepisa entre 2018 e 2020, diretor presidente da Celpa entre 2012 e 2018 e diretor de distribuição da Cemar entre 2008 e 2012. Antes, atuou na Coelba e foi professor do Centro Federal de Educação Tecnológica em Petrolina/PE.

Roberto Caixeta Barroso, atual diretor da companhia, acumulará interinamente o cargo de Diretor de Relações com Investidores. Na mesma reunião, Firmino Ferreira Sampaio Neto e David Zylbersztajn foram eleitos presidente e vice-presidente do Conselho de Administração, respectivamente.

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53150460/nonato-castro-e-o-novo-presidente-da-light

Gigante chinesa aposta em energia solar para dobrar tamanho do portfólio de geração renovável

A CGN Energia Brasil e Participações, subsidiária de um braço internacional da China General Nuclear Power Group (CGN), anunciou investimentos de R$ 11 bilhões até 2024 na estruturação plano de crescimento no Brasil. O objetivo da companhia, ainda recente no país, é dobrar o tamanho do portfólio de geração de energia renovável, para 3 gigawatts (GW), a partir de projetos desenvolvidos do zero e aquisições. A empresa quer focar em energia fotovoltaica para equilibrar a carteira que está mais concentrada em eólica.

No Brasil, há pouco mais de um ano, por meio da compra da Atlantic Energias Renováveis, veículo que pertencia à gestora britânica Actis, a empresa também adquiriu, no ano passado, projetos eólicos e solares da Enel. Esses negócios trouxeram à CGN Brasil um portfólio de 1,1 GW em ativos operacionais, em torno de R$ 5 bilhões. 

Gabriel Luaces, Deputy Chief Executive Officer (DCEO) da subsidiária brasileira, ex-diretor de operações da Atlantic, destaca que a empresa alia o conhecimento de campo desenvolvido durante dez anos de Atlantic e a fortaleza de um dos maiores investidores mundiais em energias renováveis...

Fonte: Portal Solar

Leia mais em:

https://www.portalsolar.com.br/blog-solar/energia-renovavel/gigante-chinesa-aposta-em-energia-solar-para-dobrar-tamanho-do-portfolio-de-geracao-renovavel.html

A ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica) e a SIMA (Secretaria de Infraestrutura e Meio Ambiente) assinaram, na segunda-feira (5), um protocolo de intenções para o desenvolvimento da energia solar no Estado de São Paulo. 

A parceria formaliza e amplia a cooperação entre o governo paulista e a ABSOLAR, em andamento desde 2013. Com isso, as entidades irão somar forças em prol do avanço da energia fotovoltaica nos prédios públicos estaduais e pela estruturação de um programa de desenvolvimento do setor no território paulista, que aproxime a fonte sustentável da população e dos setores produtivo e rural.

“O Estado de São Paulo possui um imenso potencial para gerar eletricidade a partir do sol com energia fotovoltaica, seja em grandes usinas ou sistemas de pequeno e médio portes, em telhados, fachadas ou áreas livres. A fonte solar será estratégica para acelerar a atração de investimentos, geração de empregos e renda e revigorar a economia paulista”, disse Marcos Penido, secretário da SIMA...

Fonte: Canal Solar

Leia mais em:

https://canalsolar.com.br/noticias/item/1075-estado-de-sp-e-absolar-ampliam-parceria-visando-fortalecimento-da-solar

Setor de energia solar cresce, gera empregos e atrai investimentos

De acordo com ABSOLAR (Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica), existem, atualmente, mais de 300.000 sistemas fotovoltaicos de geração distribuída conectados à rede elétrica do país. No total, são 3,6 GW de potência instalada de geração distribuída.

O mesmo instituto realizou um estudo sobre geração distribuída de energia fotovoltaica conectada à rede. No total, são mais de 3,6 GW de potência instalada de geração distribuída a partir de fontes de energia solar em todo o país, o que representa mais de 18,2 bilhões de reais em investimentos acumulados desde 2012 e mais de 200 mil empregos. A contratação total em 2019 atingiu a marca de 60 mil trabalhadores.

Segundo a ABSOLAR, nos últimos 12 meses foram adicionados cerca de 162 mil novos sistemas de geração de energia no Brasil, o que implica um crescimento de mais de 130% em relação ao ano passado.

Os números são expressivos e refletem a extensão de adeptos que já fazem uso dessa fonte de energia inesgotável, limpa e sustentável. A quantidade de lares, estabelecimentos comerciais e industriais que usufruem desse recurso não para de aumentar, e não é para menos. A economia que se consegue atingir na fatura da conta de luz é significativa e, talvez, a princípio, tenha sido o fator que mais motivou esse crescimento…

Fonte: Terra

Leia mais em:

https://www.terra.com.br/noticias/dino/setor-de-energia-solar-cresce-gera-empregos-e-atrai-investimentos,3e3153bb0d92c257a5e3d698d97e38971tm9n22q.html

Landis+Gyr expands partnership with Calvin Capital to speed up UK smart meter rollout

Landis+Gyr will leverage the partnership to provide a flexible volume of SMETS2 smart meters to support the roll-out obligations of independent UK energy suppliers that use Calvin Capital as their Meter Asset Provider.

Between 400,000 and 2 million meters will be supplied under an innovative new mechanism developed by the two organisations.

The expanding partnership with Calvin Capital reflects the changing dynamics of the UK’s energy supply sector. As smaller suppliers have increased market share in recent years, their role within the smart meter rollout has become more important. The contract will enable Calvin Capital to procure Landis+Gyr smart meters collectively for these smaller suppliers, reducing their procurement challenges...

Fonte: Smart Energy

Leia mais em:

https://www.smart-energy.com/industry-sectors/smart-meters/landisgyr-expands-partnership-with-calvin-capital-to-speed-up-uk-smart-meter-rollout/