09/09/2020

PDE 2030: mudança nas regras pode reduzir em R$ 20 bi investimentos em GD

As alterações regulatórias no sistema de compensação de energia para os usuários de micro e minigeração distribuída – em discussão na Aneel e no Congresso Nacional – poderão reduzir em R$ 20 bilhões os investimentos nesse mercado na próxima década, segundo o cenário moderado projetado pela Empresa de Pesquisa Energética (EPE) no Plano Decenal de Energia 2030.

Em um cenário em que o país opta em manter uma política de incentivo (fazendo mudanças sutis na regulação), a MMGD poderá chegar a 3 milhões de usuários em 2030, saltando de 4,2 GW de capacidade instalada em 2020 para 24,5 GW no final do período, representando um investimento total de aproximadamente R$ 70 bilhões.

No entanto, se o Brasil optar por remover alguns incentivos tarifários e implementar tarifa binômia para o grupo B a partir de 2022, os investimentos seriam reduzidos para R$ 50 bilhões, enquanto a capacidade instalada atingiria 16,8 GW em 2030...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53146662/pde-2030-mudanca-nas-regras-pode-reduzir-em-r-20-bi-investimentos-em-gd

EDP Ventures investe R$ 3 mi em startup baiana

A EDP Ventures Brasil participou da rodada de R$ 3 milhões liderada pela empresa Canary na Clarke Energia. A startup, criada em dezembro de 2019 na Bahia, orienta empresas a economizar na conta de energia por meio de estudos tarifários, eficiência energética, monitoramento de consumo ou compra de energia no mercado livre.

Segundo a apresentação, a Clarke proporciona, em média, uma redução de 10% a 20% na conta mensal de luz identificando ineficiências tarifárias e apresentando soluções. A startup também simula a economia em caso de migração para a modalidade de Tarifa Branca e orienta sobre eficiência das operações corporativas.

O Vice-Presidente de Estratégia, Inovação e Novos Negócios da EDP Brasil, Carlos Andrade, afirmou que o trabalho da startup tem grande importância para médias e pequenas empresas e que os serviços oferecidos têm sinergia com algumas áreas da operação da EDP, como a comercialização e serviços de energia...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53146548/edp-ventures-investe-r-3-mi-em-startup-baiana

Aneel amplia lista de normas a serem revogadas

A Agência Nacional de Energia Elétrica vai ampliar a “guilhotina regulatória”, com a inclusão de mais 12 atos normativos que já não produzem efeitos ou foram tacitamente revogados na lista de normas a serem extintas. Para que isso seja feito, a fase de contribuições à consulta pública que trata do assunto será reaberta nesta quarta-feira, 9 de setembro, e receberá contribuições até o próximo dia 28.

A revogação, que antes alcançaria 110 atos vigentes, entre resoluções normativas e outros tipos de resolução, passa a cobrir 122 atos, que correspondem a 18% do estoque normativo atualmente em vigor. Além desses, ficam mantidas as 239 resoluções normativas e de outros tipos com declaração de caducidade, que terão seu status oficializado.

Em 2019, o Decreto nº 10.139 determinou a revisão e a consolidação de atos normativos inferiores a decreto, com a extinção daqueles que não produzam mais efeitos, deixaram de ser usados ou cuja necessidade ou significado não podem ser identificados.

A limpeza no estoque regulatório já é tratada, no entanto, desde 2009 pela agência, e foi aplicada a dezenas de resoluções que caducaram e foram eliminadas. A primeira guilhotina foi usada em 2016, com a revogação de 230 atos normativos.

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53146439/aneel-amplia-lista-de-normas-a-serem-revogadas

Navio autônomo usa energia solar e inteligência artificial

Um navio autônomo está prestes a tentar a travessia do Atlântico Norte. O objetivo é repetir a viagem do Mayflower, que levou os primeiros colonos ingleses para a América do Norte em 1620. A embarcação foi desenvolvida pela ProMare, com apoio da IBM, e sairá de Plymouth, na Inglaterra, com destino a Plymouth, em Massachusetts, nos Estados Unidos.

O Mayflower Autonomous Ship tem pela frente uma jornada de mais de 5 mil quilômetros, que começa em 16 de setembro e não tem duração precisa. Essa será a primeira travessia transatlântica não tripulada movida a energia solar e inteligência artificial.

A inteligência artificial do navio é capaz de analisar as condições marítimas e meteorológicas e tomar decisões de forma autônoma. Com radar, lidar, câmeras e satélites, o sistema da embarcação compara o que vê com um banco de dados de mais de um milhão de imagens marítimas. Depois, cria um mapa de risco que a ajuda a reagir a obstáculos, intempéries e tráfego marítimo...

Fonte: Olhar Digital

Leia mais em:

https://olhardigital.com.br/video/navio-autonomo-usa-energia-solar-e-inteligencia-artificial/106643

Tecnologia promete revolução no setor de energia elétrica brasileiro

Olhar para o futuro com uma perspectiva voltada para a tecnologia e inovação. Com este objetivo, a Cemig desenvolveu um projeto de P&D (Pesquisa e Desenvolvimento) chamado Prospecção tecnológica no setor de energia elétrica.

O projeto foi concebido na Apine (Associação de Produtores Independentes de Energia Elétrica) e congregou grandes players em torno do desenvolvimento de uma visão de futuro para o setor elétrico brasileiro.

“É consenso entre os especialistas que, para que esses objetivos sejam alcançados, são fundamentais o investimento em desenvolvimento tecnológico e o fomento à cultura inovadora”, disse Cláudio Homero, engenheiro de tecnologia e inovação e representante técnico da Cemig no projeto.

“Pela abrangência e profundidade, pode-se, inclusive, afirmar que se trata de um dos mais complexos e completos painéis de pesquisa produzidos no mundo, dedicados a um segmento específico”, destacou Homero... 

Fonte: Canal Solar

Leia mais em:

https://canalsolar.com.br/noticias/item/943-tecnologia-promete-revolucao-no-setor-de-energia-eletrica-brasileiro

CEB tem prejuízo de R$ 96 milhões e reforça fiscalização

A Companhia Energética de Brasília (CEB) tem reforçado o combate às ligações clandestinas espalhadas por todo o Distrito Federal. Além do prejuízo financeiro, que ultrapassa R$ 96 milhões por ano, essas ligações são perigosas e podem levar à morte. Logo, coibir esse tipo de ação virou uma das prioridades dentro da companhia.

Há muitas ligações irregulares espalhadas por todo o DF. O último levantamento da CEB, feito no segundo semestre de 2019, aponta para 62 mil.

Popularmente conhecido como “gato”, o furto de energia é identificado em dezenas de regiões administrativas, mas têm maior ocorrência nas cidades de São Sebastião, Taguatinga, Guará, Lago Sul, Gama, Brazlândia e Planaltina, muito em parte por conta do crescimento desordenado e o surgimento de condomínios irregulares...

Fonte: Agência Brasília

Leia mais em:

https://www.agenciabrasilia.df.gov.br/2020/09/08/ceb-tem-prejuizo-de-r-96-milhoes-e-reforca-fiscalizacao/

Omega lança plataforma digital de compra de energia para facilitar entrada de consumidores no mercado livre

A Omega Energia (OMGE3) anunciou nessa terça-feira (8) o lançamento da primeira plataforma 100% digital para compra e gestão de energia no mercado livre.

A companhia afirmou que, com o movimento, espera consolidar-se nos próximos anos como a primeira geradora de energia renovável digital, expandindo a oferta de energia limpa para um número cada vez maior de consumidores.

Além de empresas que já operam no mercado livre, consumidores comerciais que desejarem ingressar neste mercado também poderão solicitar migração pela plataforma.

A plataforma possui um site com cotações de energia elétrica: caso o preço seja interessante, a companhia que planeja a contratação poderá fazer um cadastro online...

Fonte: Infomoney

Leia mais em:

https://www.infomoney.com.br/mercados/omega-lanca-plataforma-digital-de-compra-de-energia-para-facilitar-entrada-de-consumidores-no-mercado-livre/

Neoenergia usa realidade aumentada para manutenção de ativos

A Neoenergia passou a adotar em agosto, em projeto piloto, a tecnologia de realidade aumentada para atividades de manutenção e inspeção de subestações e redes das suas concessionárias Coelba (BA), Celpe (PE), Cosern (RN) e Elektro (SP/MS). Os testes são realizados com dispositivos semelhantes a óculos, que possuem câmera de alta resolução, visor de cristal líquido, conexão à internet e têm entre as suas funcionalidades o acesso a aplicativos por comando de voz. Um dos objetivos da empresa é de conectar equipes em campo com especialistas nas sedes dessas distribuidoras, proporcionando maior agilidade nos processos e redução de custos com viagens. Os dispositivos já são utilizados desde abril pela área de transmissão de energia.

De acordo com Jader Carneiro, superintendente de Redes e Distribuição da Neoenergia, o uso de tecnologia garante mais eficiência nas atividades de manutenção dos nossos ativos de distribuição. Para ele, com a adoção dos dispositivos de realidade aumentada, os especialistas podem, em tempo real e de onde estiverem, orientar o trabalho dos técnicos sem a necessidade de deslocamento constante por toda a área de concessão, ganhando em agilidade e na economia de recursos...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53146304/neoenergia-usa-realidade-aumentada-para-manutencao-de-ativos

Siemens to build one of Europe’s largest energy storage systems

Siemens Smart Infrastructure and Fluence have been awarded a contract by the Portuguese energy provider EDA – Electricidade dos Açores to build a battery-based energy storage system on Terceira.

The project at the second biggest island in terms of electrical consumption of the Azores archipelago in the Atlantic Ocean aims to make the island more sustainable and is scheduled for completion in 2021.

The Azores have nine isolated autonomous energy systems with significant potential for renewable energy, mainly from wind, hydro and geothermal sources.

The system uses Fluence’s latest generation technology, which combines factory-built hardware, advanced software and data-driven intelligence.

With a power capacity of 15MW, the Gridstack system will be one of the largest stand-alone (island) battery-based energy storage systems in Europe…

Fonte: Smart Energy

Leia mais em:

https://www.smart-energy.com/industry-sectors/storage/portuguese-utility-selects-siemens-for-one-of-europes-largest-energy-storage-system/