08/04/2022

Equatorial Alagoas investe R$ 82 milhões em conjunto de nove obras

A Equatorial Alagoas investiu R$ 82 milhões em um conjunto de nove obras de alta tensão, que vão desde o Litoral ao Sertão do estado. Com a iniciativa, mais de 700 mil clientes serão beneficiados pelas ações que tiveram como objetivo aumentar a capacidade e modernizar o sistema elétrico, melhorando a qualidade do fornecimento de energia.

Segundo a distribuidora, o plano de obras de alta tensão contemplou a ampliação de subestações, construção de Linhas de Distribuição, além da instalação de equipamentos na rede elétrica com tecnologia de ponta que possibilitam a operação e o monitoramento on-line e de forma remota. Clientes residenciais, comerciais, industriais, agricultores, empreendedores e turistas sãos os principais beneficiados pelas ações realizadas...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53207750/equatorial-alagoas-investe-r-82-milhoes-em-conjunto-de-nove-obras

Andrade Gutierrez reduz danos na montagem e transporte de módulos fotovoltaicos

A Andrade Gutierrez informou que reduziu para 0,08% o índice de módulos fotovoltaicos danificados no empreendimento solar em execução pela companhia em Caucaia, no Ceará. Inferior ao do mercado brasileiro, o valor também é menor que o registrado em países como Alemanha, Austrália, China e Espanha, onde as referências giram entre 0,1% e 0,15%, segundo dados da Agência Internacional de Energia (IEA) e de estudos norte-americanos na área.

De acordo com a companhia, a conquista é fruto do Programa Perda Zero, implantado em todos os projetos solares da empresa. A iniciativa tem o objetivo de diminuir os danos que podem ocorrer durante o transporte, descarregamento, armazenamento, testes, movimentação e montagem dos módulos. Para isso, as equipes de Produção, Logística, Qualidade, Manutenção e Engenharia da obra e Excelência Operacional realizaram um trabalho conjunto, sustentado pelo Sistema Andrade Gutierrez de Excelência (SAGE), baseado em boas práticas e lições aprendidas, compartilhadas por todos os empreendimentos da empresa na área. Como resultado, o projeto de Caucaia completou 100% de seus módulos no dia 24 de março...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53207756/andrade-gutierrez-reduz-danos-na-montagem-e-transporte-de-modulos-fotovoltaicos

Senado aprova Agnes da Costa para diretoria da Aneel

O Plenário do Senado aprovou, nesta quinta-feira, 7 de abril, a indicação de Agnes Maria de Aragão da Costa para diretora da Agência Nacional de Energia Elétrica. Foram 31 votos favoráveis e oito contrários, mais duas abstenções. A votação da indicada foi iniciada na sessão do dia anterior, mas não foi concluída por falta de quórum. A indicação havia sido aprovada pela Comissão de Infraestrutura no dia anterior, com relatório favorável do senador Mecias de Jesus (Republicanos-RR), como parte do esforço concentrado presencial do Senado.

Mestre em Energia pela Universidade de São Paulo em 2006, Agnes atualmente é chefe da Assessoria Especial em Assuntos Regulatórios do Ministério de Minas e Energia e preside o Conselho Fiscal da Petrobras. De 2005 a 2019 foi assessora especial em assuntos econômicos do ministro de Minas e Energia.

Graduada em economia pela Universidade Federal do Rio de Janeiro em 2002, é especialista em economia de energia e de mineração e integrou o Conselho de Administração da Norte Energia S.A. e o Conselho Fiscal da Eletrobras. Este último ela presidiu de 2017 a 2019. Entre 2014 e 2015 foi membro dos Conselhos de Administração da Eletrobras Distribuição Alagoas e da Eletrobras Distribuição Piauí...

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53207788/senado-aprova-agnes-da-costa-para-diretoria-da-aneel

Neoenergia instala tecnologia de automação para controle Volt/VAr

A Neoenergia instalou uma nova tecnologia que utiliza informações da rede para, de forma automatizada, ajustar a tensão e o fator de potência para o patamar ideal, razão pela qual é conhecida no setor como controle de Volt/VAr (unidades de medida de tensão e energia reativa). O Sistema AIRq (Automação Inteligente de Redes de Qualidade de Energia) foi implantado em modelo piloto nos municípios de Atibaia, Bom Jesus dos Perdões e Nazaré Paulista, em São Paulo, região que tem recebido investimentos robustos da empresa em modernização de redes, por meio do projeto Energia do Futuro.

A empresa destacou que o automatismo em equipamentos de redes proporciona cada vez mais qualidade para os clientes e, por isso, tem focado nos investimentos dessa área. Agora, com o controle Volt/VAr através do Sistema AIRq, será possível trazer benefícios diretos para os clientes, além de mais eficiência energética e redução de perdas técnicas. Para operar o Sistema AIRq, foram instalados painéis em reguladores de tensão e bancos de capacitores, que ficam localizados nos postes.

De acordo com a Neoenergia, com esses painéis, é possível transmitir os dados sobre a tensão e fator potência a um servidor central, que tem a visão global da rede. A partir dessas informações, de forma automatizada, são realizadas manobras para que os níveis de tensão e reativos estejam constantemente nos melhores patamares. A tecnologia começou a operar em 20 alimentadores e 46 equipamentos…

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53207570/neoenergia-instala-tecnologia-de-automacao-para-controle-voltvar

Plano para setor de energia prevê R$ 3,5 tri de investimentos em 10 anos

O Brasil contará com R$ 3,25 trilhões em investimentos nos próximos dez anos se forem confirmados os projetos previstos no Plano Decenal de Expansão de Energia, o PDE 2031, lançado nesta quarta-feira pelo Ministério de Minas e Energia.

Em cerimônia na sede do ministério, o secretário de Planejamento e Desenvolvimento Energético, Paulo César Magalhães, anunciou que o país deve expandir sua matriz energética em 30% até 2031, mantendo a proporção de 50% de fontes renováveis. Ele lembrou que, no mundo, o patamar de energia renovável é de 14%.

Ao discursar na solenidade, o ministro Bento Albuquerque afirmou que o volume total de investimento apontado pelo PDE 2031 considera o cenário de crescimento econômico de 3% ao ano do país. O montante projetado, segundo ele, abarca principalmente R$ 2,7 trilhões do setor de petróleo e gás natural e cerca de R$ 530 bilhões em geração e transmissão de energia elétrica…

Fonte: Abinee - Valor Econômico

Leia mais em:

http://www.clipping.abinee.org.br/publique/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=345671&sid=105

Volta da bandeira verde deve aliviar contas de energia

Após se queixar de não poder intervir nas bandeiras tarifárias, o presidente Jair Bolsonaro anunciou ontem, no Twitter, que a partir do dia 16 de abril passará a vigorar a bandeira verde, sem cobrança adicional nas contas de luz dos consumidores.

Momentos depois da postagem do presidente, veio a confirmação pelo Ministério de Minas e Energia. A pasta informou que seria antecipado o fim da bandeira escassez hídrica em vigor desde setembro do ano passado para cobrir os custos de medidas excepcionais para livrar o país de novo programa de racionamento de energia ou cortes de cargas (apagões) nos períodos do dia de maior consumo.

Na prática, houve antecipação em cerca de 15 dias do fim da bandeira especial, com acréscimo de R$ 14,20 a cada 100 kilowatts-hora (kWh) consumidos no mês. No ano passado, a Agência Nacional de Energia Elétrica anunciou que a bandeira escassez hídrica era necessária para cobrir o custo de R$ 13,8 bilhões...

Fonte: Abinee - Valor Econômico

Leia mais em:

http://www.clipping.abinee.org.br/publique/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=345670&sid=105

Energia solar flutuante ganha escala: conheça os principais projetos no Brasil e no mundo

Portugal realizou na última segunda-feira (05/04) seu primeiro leilão de energia solar flutuante. O certamente teve como vencedoras EDP, Voltalia e Endesa e terminou com 183 MW de capacidade contratada.

O maior lote, conquistado pela EDP, permitirá a instalação de 154 MW de energia renovável, incluindo a hibridização com capacidade eólica. O governo português considerou o leilão um sucesso, garantindo preços baixos de energia.

A iniciativa ilustra o crescimento da energia solar flutuante no setor elétrico mundial. Esse tipo de projeto é vantajoso para regiões com terrenos escassos e áreas de água disponíveis, além de trazer potencial de geração hibrida quando instalada em reservatórios de hidrelétricas...

Fonte: Portal Solar

Leia mais em:

https://www.portalsolar.com.br/noticias/tecnologia/equipamentos-fv/energia-solar-flutuante-ganha-escala-conheca-os-principais-projetos-no-brasil-e-no-mundo

Enel usa rede via energia elétrica para medir consumo de 150 mil imóveis em SP

Na maior parte dos lares brasileiros, os relógios de energia elétrica são totalmente desconectados da internet, com aferição do consumo feita de forma presencial por um profissional leiturista. Isso deve ser raro em um futuro não tão distante: a Enel, concessionária que atua na cidade de São Paulo, atingiu a marca de 150 mil medidores inteligentes. Os dados são transmitidos pela própria rede elétrica através da tecnologia PLC.

Os medidores inteligentes instalados fazem parte de um projeto-piloto localizado nos bairros de Perus e Pirituba, zona oeste de São Paulo. A Enel tem a expectativa de encerrar o ano com 300 mil dispositivos. O investimento está avaliado em R$ 227 milhões, e conta com contribuições de recursos de pesquisa e desenvolvimento da Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel).

Além de dispensar o uso de mão-de-obra presencial para efetuar leituras, o uso de medidores inteligentes permite que a concessionária de energia faça corte ou religação de forma remota e imediata. A Enel também afirma que todos os consumidores com esse equipamento poderão monitorar o consumo diário de eletricidade através de um aplicativo para smartphone...

Fonte: Tecnoblog

Leia mais em:

https://tecnoblog.net/noticias/2022/04/06/enel-usa-rede-via-energia-eletrica-para-medir-consumo-de-150-mil-imoveis-em-sp/

Governo indica José Mauro Coelho para presidência da Petrobras

O Ministério de Minas e Energia divulgou nesta quarta-feira, 06 de abril, nova lista com indicados do acionista majoritário para o conselho de administração da Petrobras. O governo indicou José Mauro Ferreira Coelho, ex-secretário de Petróleo do MME, para a presidência da companhia. Para a presidência do conselho foi apontado Marcio Andrade Weber.

Coelho e Weber foram indicados no lugar de Adriano Pires e Rodolfo Landim, respectivamente, que declinaram os convites nos últimos dias. As indicações serão votadas durante a Assembleia Geral Ordinária dos acionistas da Petrobras prevista para o dia 13 de abril. Coelho nessa ocasião será votado para ser membro do conselho, após essa etapa será selecionado para a presidência executiva da companhia, em outra votação do conselho.

Os outros indicados pelo governo são Sonia Julia Sulzbeck Villalobos, Ruy Flaks Schneider, Luiz Henrique Caroli, Murilo Marroquim de Souza, Carlos Eduardo Lessa Brandão, e Eduardo Karrer.

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53207620/governo-indica-jose-mauro-coelho-para-presidencia-da-petrobras

Eletrosul conclui incorporação de ativos da TSLE

A CGT Eletrosul aprovou em Assembleia Geral Extraordinária de Acionistas a incorporação total da Transmissora Sul Litorânea de Energia (TSLE), última etapa do processo que autorizou a transferência da concessão dos ativos de transmissão de titularidade da empresa.

A estratégia integra o escopo da iniciativa de racionalização das participações societárias da Eletrobras, nos termos do Plano Diretor de Negócios e Gestão (PDNG 2021-2025). Com a operação a TSLE, constituída com propósito de construir, operar e manter instalações de transmissão arrematadas no Leilão Aneel no 005/2012, deixa de existir.

Três linhas em 525 kV e quatro subestações no Sul do Rio Grande do Sul foram incorporados ao portfólio da companhia, além da conexão dos parques eólicos da região com o Sistema Interligado Nacional (SIN). Abaixo o detalhamento dos empreendimentos…

Fonte: Canal Energia

Leia mais em:

https://www.canalenergia.com.br/noticias/53207609/eletrosul-conclui-incorporacao-de-ativos-da-tsle